Notícias

Empregado CSP entre os melhores da 11ª edição do SteelChallenge

Mateus Paulino, cearense de 28 anos, ficou em segundo lugar na categoria Indústria

Uma das mais disputadas competições do setor siderúrgico mundial foi encerrada na última quarta-feira, 11 de abril de 2017, em Pequim, na China. E mais uma vez o Ceará, por meio da Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), levantou a bandeira do Brasil. O analista de tecnologia Mateus Paulino, cearense de 28 anos, é um exemplo de disciplina, dedicação e amor pela siderurgia.

Para chegar à etapa final, ele venceu o campeonato regional ao disputar a prova com 1.479 participantes de 16 países. Nesta primeira fase, o desafio foi simular a produção de um tipo de aço ultrabaixo carbono com o menor custo. A etapa final, na China, avaliou a produção de um aço de carbono leve/baixo usado em aplicações como ferramentas e peças de máquinas, ao menor custo, usando o simulador básico de fabricação de forno de oxigênio.

Na empresa desde julho de 2016, Mateus está feliz por ter ficado entre as melhores posições do mundo na categoria indústria. E o orgulho está mais do que justificado, já que ele é o único representante das Américas, do Canadá até a Argentina. “Isso mostra o preparo da nossa região para a siderurgia. A gente quer fazer com que isso reflita na vida real e o nosso custo da tonelada esteja entre os melhores do mundo também”.

SAIBA MAIS